Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Sala de Imprensa > Notícias > “Temos que acompanhar onde nosso dinheiro vai parar”
Início do conteúdo da página
Terça, 13 Agosto 2019 00:00

“Temos que acompanhar onde nosso dinheiro vai parar”

A frase é de Manoel Ferreira,79 anos, durante visita ao programa TCE de Portas Abertas

“A gente é cidadão em qualquer idade. Temos que acompanhar onde nosso dinheiro vai parar”, relatou Manoel Ferreira,79 anos, que juntamente com seus colegas do grupo Sesc Vida Ativa, participaram de mais uma edição do programa TCE de Portas Abertas.


A visita, que ocorreu na tarde desta terça-feira, 13, contou com uma programação repleta de atividades. Uma delas foi a palestra sobre as atribuições dos conselhos municipais de Saúde, Educação, Alimentação Escolar, Assistência Social e da Pessoa Idosa.


A apresentação foi conduzida pelos acadêmicos de Direito do CEULP/ULBRA, que fazem parte do Grupo de Estudos de Direito Administrativo (GEDA). “Esse Controle Social serve para nós mostrarmos para a população que nós somos os grandes responsáveis pela fiscalização”, pontuou a acadêmica de Direito Eliane Tochtrop.


O grupo ainda teve a oportunidade de conhecer a Ouvidoria da Corte, por meio da apresentação do servidor Gilson José, que explicou como essa unidade do TCE atua e quais os meios para realizar denúncias de irregularidades. “É muito importante que cada cidadão faça a sua parte, para que nós possamos ter um país melhor”, complementou Gilson.

 

IMG 4060 Redimensionada

 

Na ocasião, os visitantes ainda assistiram ao vídeo institucional que explica o passo a passo das atribuições do Tribunal de Contas.


“As palestras para mim foram excelentes”, avaliou Gilmar João de Carvalho, que veio do município de Lajeado especialmente para participar do TCE de Portas Abertas.


De acordo com a coordenadora do grupo Sesc Vida Ativa, Núbia Pereira de Castro, todas as informações adquiridas durante a tarde são muito válidas e estimulam os idosos a multiplicarem o que aprendem.


“Eles são os multiplicadores desses conhecimentos para a sociedade, para a família, para os netos. O grupo Vida Ativa é muito participativo, eles gostam de interagir com projetos e ações, são pessoas que atuam de fato em todas as áreas. E nós ficamos muito felizes com esses convites que são feitos para nós”, finalizou a coordenadora.


Além das palestras, o grupo ainda assistiu a sessão da Segunda Câmara, conheceram a Biblioteca Conselheiro José Ribamar Meneses e o Memorial do TCE/TO.

Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc
Idosos Sesc
Idosos Sesc Idosos Sesc

Lido 105 vezes Última modificação em Terça, 13 Agosto 2019 18:21
Fim do conteúdo da página